PROPRANOLOL: Para que Serve Indicações Efeitos Colaterais

Tudo sobre Propranolol suas Indicações e Efeitos Colaterais

Propanolol

TUDO SOBRE PROPRANOLOL

Propranolol é um betabloqueador. Os betabloqueadores agem no coração e na circulação (fluxo de sangue através das artérias e veias).

Propranolol é usado para tratar tremores, angina (dor no peito), hipertensão arterial (pressão alta), distúrbios do ritmo cardíaco, e outro coração ou condições circulatórias.

É também utilizado para tratar ou prevenir um ataque cardíaco, e para reduzir a gravidade e frequência de dores de cabeça de enxaqueca.

PROPRANOLOL Para que Serve Indicações Efeitos Colaterais

>> Recomendamos para Você:

 

(VÍDEO) Farmacologia da Hipertensão: Beta-Bloqueadores

 

(VÍDEO) Anti-hipertensivos Beta-bloqueadores

 

(VÍDEO) Betabloqueadores na Insuficiência Cardíaca

>> Quais são os possíveis efeitos colaterais do propranolol (Inderal)?

Obtenha ajuda médica de emergência se tiver algum destes sinais de reação alérgica: urticária; dificuldade em respirar; inchaço do rosto, lábios, língua ou garganta.

Chame o seu médico imediatamente se tiver um efeito colateral grave, tais como:

– Batimentos cardíacos rápidos, lentos ou irregulares;

– Sensação de tontura, desmaio;

– Sensação de falta de ar, mesmo com esforço leve;

– Inchaço dos tornozelos ou pés;

– Náuseas, dor de estômago superior, comichão, perda de apetite, urina escura, fezes cor de barro, icterícia (amarelamento da pele ou olhos);

– Sensação de frio nas mãos e pés;

– Depressão, confusão, alucinações;

– Reação cutânea grave – febre, dor de garganta, inchaço no rosto ou língua, ardor nos olhos, dor de pele, seguida por uma erupção cutânea vermelha ou roxa que se espalha (especialmente no rosto ou corpo superior) e provoca bolhas e descamação.

 

>> Efeitos menos graves podem incluir:

– Náuseas, vômitos, diarreia, constipação, dores de estômago;

– Diminuição da libido, impotência, dificuldade de ter um orgasmo;

– Problemas de sono (insônia);

– Sensação de cansaço.

 

>> Informações importantes:

Você não deve usar este medicamento se você é alérgico a propranolol, se tem asma, diminuição da frequência cardíaca, ou um problema cardíaco grave, como a “síndrome do seio doente” ou “bloqueio AV” (a menos que você tem um pacemaker).

Se você precisa fazer uma cirurgia, diga ao cirurgião que você está usando propranolol. Você pode precisar parar de usar o medicamento por um curto período de tempo.

Não pule doses ou pare de usar propranolol sem primeiro falar com o seu médico.

Você pode precisar usar menos antes de parar completamente a medicação.

Evite beber álcool. Pode aumentar os seus níveis sanguíneos de propranolol.

Propranolol é apenas parte de um programa completo de tratamento para a hipertensão que pode também incluir dieta, exercício e controle de peso. Siga suas rotinas de dieta, medicação e exercício intensamente se está sendo tratado de hipertensão.

Se você está em tratamento para pressão alta, continue a usar este medicamento mesmo que se sinta bem.

A pressão arterial elevada, muitas vezes não tem sintomas. Você pode precisar usar medicação de pressão arterial para o resto de sua vida.

 

>> Como devo tomar propranolol (Inderal)?

Tome exatamente como prescrito pelo seu médico. Não tome em quantidades maiores ou menores ou por mais tempo do que o recomendado.

Siga as instruções na etiqueta da prescrição BULA.

Tome o medicamento à mesma hora todos os dias. Não esmague, mastigue, quebre, ou abra uma cápsula. Engula inteira.

Para ter certeza de que vai ingerir a dose correta, meça o líquido com uma colher de medida marcada, e não com uma colher de mesa. Se você não tiver um dispositivo de medição da dose, pergunte ao seu farmacêutico um para comprar avulso.

Sua pressão arterial terá de ser verificada com frequência. Visite o seu médico regularmente.

Se você precisar de cirurgia, diga o cirurgião antes do tempo que você está usando propranolol. Você pode precisar parar de usar o medicamento por um curto período de tempo.

Este medicamento pode causar resultados incomuns com certos exames médicos. Informe qualquer médico que trata de que você está usando propranolol.

EG PROPRANOLOL

Bloqueador beta

Este medicamento é um genérico de Avlocardyl (que já não é comercializado).

Em quais casos o medicamento PROPRANOLOL EG é prescrito?

Esta droga pertence à família de betabloqueadores. Eles trabalham, bloqueando a ação da adrenalina (e outros hormônios relacionados) em muitos órgãos, incluindo o coração, vasos e brônquios.

 

É utilizado em:

  • Tratamento da hipertensão,
  • Prevenção de crises de angina no peito e de infarto do miocárdio,
  • Certos distúrbios do ritmo cardíaco,
  • Manifestações cardiovasculares do excesso de hormônio da tireoide,
  • Cardiomiopatia obstrutiva,
  • O tratamento básico da enxaqueca e dores vasculares da face,
  • Tratamento de alguns tremores.

 

Apresentações do Medicamento PROPRANOLOL EG

PROPRANOLOL EG 40 MG: comprimido; Box 50.

Prescrição (lista I) – reembolsável para 65% – Preço: R$ 5,80.

Composição farmacêutica do PROPRANOLOL EG

Cloridrato de propranolol 40 mg

Substância ativa: Cloridrato de Propranolol

Excipientes: ácido algínico, ácido esteárico, gelatina, estearato de magnésio, manitol.

 

Contraindicações do PROPRANOLOL EG

Esta droga não deve ser usada nos seguintes casos:

Asma e bronquite crônica;

Insuficiência cardíaca não controlada por um tratamento específico;

Bloqueio atrioventricular grave;

Angina de Printzmétal;

Artrite, fenômeno de Raynaud ;

Frequência cardíaca inferior a 50 batimentos por minuto;

Feocromocitoma não tratado;

Hipotensão;

Histórico de choque anafilático;

Em associação com medicamentos que contenham ou sultoprida floctafenina.

 

(VÍDEO) Dúvidas sobre Timolol e Betabloqueadores

 

Atenção

Esta droga não é um tratamento da crise de angina do peito.

Precauções são necessárias em casos de insuficiência hepática ou renal e em idosos.

Nunca interrompa abruptamente o tratamento prescrito. Espace as doses gradualmente. Aconselhamento médico é sempre preferível.

Nos diabéticos, betabloqueadores podem mascarar alguns sintomas de hipoglicemia (palpitações e coração acelerado essencialmente).

Os betabloqueadores podem exacerbar reações alérgicas e impedir a ação de adrenalina usada no tratamento de emergência de choque anafilático.

Durante exames radiológicos que envolvem a injeção de agentes de contraste iodados (que pode causar choque alérgico), o tratamento deve se possível, ser suspenso com o acordo do seu médico.

Em caso de cirurgia, o anestesista deve ser avisado deste medicamento. É ele quem vai decidir se o tratamento deve ser continuado ou interrompido antes da cirurgia.

Aviso: este medicamento contém uma substância que pode aparecer em testes de doping.

 

Interações de Propranolol com outras Substâncias

Este medicamento não deve ser associado:

Com Floctafenina (Idarac…): risco de aumentar a gravidade de um possível choque alérgico;

A sultoprida (BARNETIL ): risco de torções de pico.

Pode interagir com medicamentos contendo amiodarona.

Informe o seu médico se estiver tomando antidiabéticos, NSAIDs , bloqueadores dos canais de cálcio, antidepressivos tricíclicos, neurolépticos, esteroides ou medicamentos que contenham qualquer um dos seguintes: quinidina, hidroquinidina, disopiramida, cimetidina baclofen, clonidina, ergotamina , fluvoxamina, lidocaína injetável, mefloquina, fenobarbital, rifampicina.

Remédios digestivos podem diminuir a absorção da droga. Deve ter uma pausa de pelo menos duas horas decorrida entre um medicamento e outro.

 

Fertilidade, Gravidez e Amamentação.

Gravidez:

Os estudos científicos disponíveis não revelaram quaisquer problemas particulares durante o uso de beta-bloqueador em mulheres grávidas.

O efeito bloqueador persiste alguns dias com o recém-nascido e precisa de um acompanhamento médico reforçado durante os primeiros dias de vida.

 

Amamentação:

Este medicamento passa para o leite materno; uma escolha é necessária entre amamentação e tomar a droga. Esta decisão deve ser tomada de acordo com o seu médico.

 

Modo de uso e dosagem do medicamento PROPRANOLOL EG

Este medicamento pode ser tomado com ou sem alimentos.

Dose habitual:

1 a 4 comprimidos por dia, dependendo das indicações.

 

Conselho

Sempre ter um pouco do medicamento guardado num saco plástico higiênico por exemplo.

Sua pressão arterial deve ser monitorizada regularmente. Dispositivos para medição automática costumam usar um método de medição diferente da utilizada pelo seu médico.

Se você tem tal dispositivo, leve em uma consulta para garantir que a medição é bem correspondente com a de seu monitor médico.

O tratamento medicamentoso não elimina as medidas que podem reduzir a pressão arterial: a atividade física regular, consumir com moderação de álcool e sal, a luta contra o excesso de peso, parar de fumar.

A taxa normal do coração diminui como resultado do tratamento; No entanto, em caso de fadiga anormal e taxa de pulso inferior a 50 batimentos por minuto, consulte o seu médico.

 

Possíveis Efeitos Adversos da Droga PROPRANOLOL EG

O mais comum: dor de estômago, náuseas, vómitos, diarreia, fadiga no início do tratamento, sentir as mãos e pés frios, disfunção erétil, diminuição significativa dos batimentos cardíacos, insônia, pesadelos.

Mais raramente: bloqueio atrioventricular, a redução excessiva da pressão arterial, o fenômeno de Raynaud, insuficiência cardíaca, broncoespasmo, hipoglicemia, erupções cutâneas, agravamento da psoríase.

ATUALIZADO: 01.08.16

medico-emagecer-mulher-projeto-novo

 

>> Recomendamos Para Você:

  • MEDROL (Combate bactérias)
  • ATENOLOL (Usado no trato da pressão alta)
  • SIBUTRAMINA (Indicado para tratamento da obesidade)
  • MAXALT (Utilizado para tratar a enxaqueca)
  • BUSPAR (Medicamento de Anti-Ansiedade)
  • CIPRO (Combate bactérias)
  • CETIRIZINA (Usado no trato dos sintomas de gripes ou alergias)
  • BUPROPIONA (Usado por pessoas que desejam parar de Fumar)
  • ALPRAZOLAM (Usado no trato de transtornos de ansiedade, pânico e ansiedade)
  • DEMEROL (Tratar Dores Musculares Agudas)

Recomendados para você:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • tenho dores é crises de enxaqueca é gostaria de saber se o propranolol realmente alivia as dores é se faz bem a pele,não tomo sol ,más estou ficando com a pele cheia de machas.