Nova Dieta sem Gluten Emagrecer: Cardapio Nutricionista

Tudo Sobre Dieta sem Glúten Para Emagrecer

Dieta sem Gluten Emagrecer

O QUE POSSO COMER?

Cortar o glúten de sua dieta pode parecer uma tarefa difícil e limitante. Felizmente, existem muitos alimentos saudáveis e deliciosos que são naturalmente sem glúten!

Na verdade, a maneira mais econômica e saudável para seguir a dieta livre de glúten é procurar desses grupos de alimentos naturalmente sem glúten, que incluem:

  • Frutas
  • Legumes
  • Carne e aves
  • Peixes e frutos do mar
  • Laticínios
  • Feijão, legumes e nozes

* * A grama do trigo pura e grama de cevada são livres de glúten, mas há glúten nas sementes. Se eles não são colhidos ou manuseados corretamente, há risco de contaminação.

Nova Dieta sem Gluten Emagrecer Cardapio Nutricionista

 

>> Recomendamos Para Você:

 

(VÍDEO) NOVA DIETA SEM LACTOSE E SEM GLÚTEN – CARDÁPIO

 

(VÍDEO) Alimentação Sem Glúten: Como Fazer

 

(VÍDEO) Nutricionista Fala Sobre a Dieta Sem Glúten

> QUANTOS GRÃOS?

Enquanto saem grãos que contêm glúten, existem muitos grãos naturalmente sem glúten que pode desfrutar de uma variedade de maneiras criativas.

Muitos destes grãos podem ser encontrados em sua mercearia local, mas alguns dos grãos conhecidos apenas podem ser encontrados em lojas de especialidades ou lojas de alimentos saudáveis.

Não é aconselhável comprar grãos de escaninhos em massa devido à possibilidade de contato com glúten.

Os seguintes grãos e outros alimentos que contenham amido são naturalmente sem glúten:

  • Arroz
  • Mandioca
  • Milho
  • Soja
  • Batata
  • Tapioca
  • Feijão
  • Sorgo
  • Quinoa
  • Painço
  • Sêmolas de trigo mourisco (também conhecido como kasha)
  • Araruta
  • Amaranto
  • Linho
  • Chia
  • Yucca
  • Aveia sem glúten
  • Farinhas de porca

Tem havido alguma pesquisa que certos grãos naturalmente sem glúten podem conter glúten do Cruz-contato com glúten contendo grãos através da colheita e processamento.

Se você está preocupado com a segurança de um grão, compre somente as versões que são testadas para a presença de glúten e contêm menos de 20 ppm.

 

> SUBSTITUTOS DO GLÚTEN

Muitos itens que normalmente contêm glúten têm alternativas sem glúten que estão amplamente disponíveis na maioria dos supermercados e fará a vida sem glúten muito mais fácil.

Tenha em mente, no entanto, que os alimentos frescos minimamente processados são uma parte crucial de uma dieta saudável sem glúten.

É muito importante para a base de sua dieta em torno de frutas, legumes, carnes, e outros grupos de alimentos saudáveis listados acima.

Muitos produtos comercialmente disponíveis são rotulados de “sem glúten”, mas haverá alguns que não; Eis porque a leitura de rótulo adequado é importante.

Também é importante lembrar que “trigo-livre” não significa necessariamente “sem glúten.” Seja cauteloso, como muitos produtos podem parecer sem glúten, mas não são.

Como regra geral, produtos de trigo tradicional, como massas, pães, biscoitos e outros bens cozidos não são sem glúten. No entanto, existem muitas opções disponíveis que utilizam grãos e farinhas alternativas.

Lojas de alimentos saudáveis têm uma grande variedade de opções, mas comerciais e supermercados também estão começando a transportar um número considerável de produtos sem glúten.

Muitas vezes, pão sem glúten pode ser encontrado na seção de congelador.

 

> CEREAIS

Muitos cereais contêm glúten ou ingredientes à base de trigo, mas existem alguns que não têm.

Esteja atento para o rótulo de “sem glúten”, mas também perceba que nem todos os cereais sem glúten vão anunciar como tal, por isso é importante verificar a lista de ingredientes.

ATENÇÃO: flocos de milho e cereais de arroz podem conter aroma de malte ou extrato, que contém glúten!

 

> AVEIA

Aveia, muitas vezes, é colhidas e processadas com o mesmo equipamento que é usado para o trigo e, portanto, é facilmente contaminado.

Pesquisas indicam que a aveia pura, não contaminada, consumidas com moderação são toleradas pela maioria das pessoas com doença celíaca.

Procure especificamente rótulos de glúten em todos os produtos que contém aveia, incluindo cereais e barras de cereal de aveia.

 

> SOPAS E MOLHOS

Sopas e molhos são uma das maiores fontes de glúten oculto, como muitas empresas utilizam o trigo como um espessante.

 

> PRODUZIR

Legumes e frutas frescas e congeladas são naturalmente sem glúten.

No entanto, é importante ler os rótulos em quaisquer frutas e vegetais, bem como frutas secas e transformadas smoothies pré-preparadas.

Além disso, embaladas batatas congeladas não são sempre livres de glúten e rótulos devem ser lidos cuidadosamente ao considerar estes produtos.

 

> BEBIDAS

A maioria das bebidas são livres de glúten, incluindo sucos, refrigerantes e bebidas esportivas.

Bebidas alcoólicas, incluindo vinhos e sidras, licores/disco, durolicor/destilada também são sem glúten.

No entanto, cervejas, bebidas de malte e vinagres de malte que são feitos de glúten contendo grãos não são destilados e, portanto, não são sem glúten.

 

> MEDICAMENTOS

Nem todos os medicamentos e vitaminas são livres de glúten, por isso certifique-se de ler o rótulo antes de comprar.

 

>> Sugestão CARDÁPIO SEM GLÚTEN:

 

CAFÉ DA MANHÃ

  • Opção 1: 01 unid de iogurte desnatado,01 col sopa de aveia
  • Opção 2: 02 torradas sem glúten,01 col sopa de ricota,01 unid de maçã
  • Opção 3: 01 copo de suco de laranja,01 unid de tapioca,01 fatia de queijo branco,1/2 manga
  • Opção 4: 01 copo de suco de frutas natural,01 fatia de bolo sem glúten, 01 fatia de queijo Minas

 

LANCHE DA MANHÃ

  • Opção 1: 01 unid de goiaba
  • Opção 2: 01 fatia de melão
  • Opção 3: 01 banana
  • Opção 4: 01 copo de água de coco

 

ALMOÇO

  • Opção 1: 01 prato de sobremesa de salada de alface,rúcula e tomate,02 col sopa de arroz integral,01 filé de frango grelhado,02 col sopa de brócolis cozido
  • Opção 2: 01 pires de salada de alface, tomate e quinoa, 01 filé mignon grelhado,01 col sopa de purê de batata,01 col sopa de arroz integral
  • Opção 3: 01 prato de sobremesa de salada de alface,cenoura e palmito,01 filé de salmão grelhado,02 col sopa de abobrinha refogada
  • Opção 4: 01 pires de salada de alface e tomate,02 col sopa de arroz integral,01 filé de peixe grelhado

CAFÉ DA TARDE

  • Opção 1: 01 copo de leite de soja
  • Opção 2: 01 fatia de melancia
  • Opção 3: 01 unid de iogurte desnatado, 01 col sopa de linhaça
  • Opção 4: 02 biscoitos sem glúten, 01 col sopa de geleia sem açúcar

 

JANTAR

  • Opção 1: 01 pires de salada de alface, agrião e rúcula,01 col sopa de arroz branco,01 filé de frango grelhado,01 xícara de chá de brócolis cozido
  • Opção 2: 01 pires de salada de repolho,cebola e pepino,01 prato de sopa de batata doce, frango e legumes
  • Opção 3: 02 torradas sem glúten,01 filé de peito de peru,01 pires de salada de alface e tomate,01 col chá de azeite de oliva
  • Opção 4: 01 pires de salada de acelga, beterraba e tomate,01 unid de atum assado,02 col sopa de arroz integral

 

CEIA

  • Opção 1: 02 ameixas vermelhas
  • Opção 2: 03 unid de biscoitos sem glúten,01 xícara de chá de camomila
  • Opção 3: 01 banana assada com canela
  • Opção 4: 01 copo de iogurte desnatado

 

(VÍDEO) Dieta Sem Glúten

 

Lista de Alimentos Livres de Glúten

Os seguintes itens podem ser consumidos livremente na sua dieta, não possui glúten (preferir alimentos orgânicos):

Gordura saudável: azeite extra virgem, óleo de gergelim, óleo de coco, leite de amêndoas, abacates, cocos, azeitonas, nozes, manteigas, queijo (exceto queijos azuis) e sementes (linhaça, sementes de girassol, sementes de abóbora, sementes de gergelim, sementes de chia).

Proteína: todos os ovos; peixes selvagens (salmão, bacalhau preto, garoupa, arenque, truta, sardinha); crustáceos e moluscos (camarão, caranguejo, lagosta, mexilhões, amêijoas, ostras); carne de aves e porco alimentados com capim (carne, cordeiro, fígado, bison, galinha, Peru, pato, avestruz, vitela); caça selvagem.

Legumes: folhas verdes, alfaces, couve, espinafre, brócolis, acelga, repolho, cebola, cogumelos, couve-flor, couve de Bruxelas, chucrute, alcachofra, rebentos de alfafa, feijão verde, aipo, rabanetes, agrião, nabo, aspargos, alho, alho-poró, funcho, chalotas, cebolinha, gengibre, salsa e castanhas.

Frutas baixas em açúcar: abacate, pimentão, pepino, tomate, abobrinha, abóbora, berinjela, limões e limas.

Ervas, temperos e condimentos: Praticamente não existem restrições sobre ervas e temperos, mas seja consciente dos produtos embalados que foram feitos em fábricas que processam, trigo e soja.

O seguinte pode ser usado com moderação (“moderação” significa comer pequenas quantidades, tipo uma vez por dia ou, idealmente, apenas algumas vezes semanalmente):

Grãos: amaranto, trigo sarraceno, arroz (marrom, branco, selvagem), painço, quinoa, sorgo, teff. (Uma nota sobre aveia: apesar de aveia naturalmente não conter glúten, frequentemente estão contaminadas com glúten, porque elas são processadas em fábricas que também lidam com trigo; evitá-las, a menos que elas vêm com uma garantia de que elas estão sem glúten.)

Leguminosas (feijões, lentilhas, ervilhas). Exceção: você pode ter o homus (feito de grão de bico).

Cenouras e nabos.

Fruta doce: bagas são as melhores; tenha cuidado extra com frutas açucaradas, tais como damascos, manga, melão, mamão, ameixas e abacaxi.

Leite de vaca e creme: use com moderação em receitas, café e chá.

Queijo Cottage, iogurte e kefir: use com moderação em receitas ou como uma cobertura.

Adoçantes: natural, estévia e chocolate (escolha o chocolate escuro que é pelo menos 70 por cento ou mais de cacau).

Vinho: um copo por dia, se preferir, de preferência vermelho.

 

Aqui está um exemplo de lista de compras:

ATUALIZADO: 22.09.16

 

rp_medico-emagecer-mulher-projeto-novo-1-197x300.jpg

 

>> RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Recomendados para você:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *