Alimento Rico em Proteína Conheça os Alimentos Ricos em Proteínas

Tudo sobre os Alimentos Ricos em Proteínas

Alimentos_Ricos_em_Proteinas

Os alimentos de origem animal são os que contém maiores quantidades de proteínas, apesar de também ser encontrado em determinados alimentos de origem vegetal, porém, em quantidade bem inferior, devendo assim ser complementado em maiores quantidade para que não gere uma carência desta proteína.

Os alimentos de origem animal podem ser entendidos por quaisquer tipos de alimentos que sejam derivados do animal, como a carne de aves, bovinos, peixes, ovos, leite, queijo, iogurte.

Porém, as pessoas que são adeptas da alimentação vegana, excluem todo e qualquer tipo de alimento que tenham o animal incluído, como exemplos os alimentos citados, sendo assim, o mesmo para que não sofra a carência de proteína pode optar por alimentos de origem vegetal que são ricos em proteínas, como a ervilha, a quinoa, arroz, feijão, milho, lentilhas e trigo sarraceno.

>> Recomendamos para Você:

(VÍDEO) Dieta da Proteína o que Pode Comer (ATUALIZADO)

As Proteínas

As proteínas são os principais responsáveis pelo crescimento e conservação dos nossos órgãos, tecidos e células, ou seja, é responsável por grande parte do nosso organismo, devendo ser resposta com frequência, para que não ocorram carências de proteína, colocando em risco a manutenção do nosso organismo.

As proteínas de origem vegetal normalmente são consideradas incompletas, pois não fornecem a quantidade exata de aminoácidos necessários para o organismo, sendo assim, a proteína animal se faz muito necessária, e para as pessoas que possuem restrições alimentares, o mais indicado é buscar a opinião médica, que possa sugerir um suplemento alimentar de modo que evite a carência de proteínas no organismo.

As proteínas sofrem diversos processos dentro do organismo, de modo que possa suprir de forma homogênea todo o organismo, sendo assim, durante o processo de digestão, a proteína já começa a ser absorvida e a ser subdividida para que comece a atuar nas diversas células, transformando-se em aminoácido essenciais e não essenciais.

Os aminoácidos não essenciais podem ser produzidos pelo próprio organismo, sintetizados pelo fígado, como serina, tirosina, alanina, asparagina, ácido aspártico, glutamina, glicina, cisteína, prolina e ácido glustâmico.

Os aminoácidos essenciais não são produzidos pelo organismo, sendo assim extraídos dos alimentos que possuem grandes quantidades de blocos de proteína, repondo constantemente estes níveis para o funcionamento saudável do organismo.

 

Alimentos proteicos

  • Peito de Peru e Peito de frango
  • Peixes atum, salmão, linguado
  • Queijo mussarela
  • Carne de Suina
  • Carne magra de Bovina
  • Feijão, vagem
  • Ovos (Especialmente Claras)
  • Leite de Soja
  • Nozes e Sementes de abóbora, Linhaça, Chia.

Os alimentos de origem vegetal possuem baixo valor biológico de proteína, salvo somente a soja e a quinoa como principais fontes de proteínas que podem substituir a alimentação de origem animal, porém, não contém a vitamina B12 devendo esta ser reposta no organismo de outras formas, consultando um nutricionista como garantia.

Os alimentos de origem animal possuem alto valor biológico de proteínas, já que fornecem blocos complexos de proteínas para a reposição do organismo.

Há ainda uma dieta baseada no consumo somente de proteínas, excluindo o consumo de carboidratos, porém, somente os carboidratos são os responsáveis pelos níveis de energia que serão depositados nas células dos músculos, além de também atuar de forma estrutural em determinadas células ósseas, sendo assim, uma dieta em que os carboidratos são excluídos é ligeiramente ineficaz.

Esta busca de corpo perfeito acima da saúde dificilmente obtém resultados satisfatórios ao organismo, pois quando se há carência de determinado nutriente, é capaz do corpo absorver e substituir determinados nutrientes que passam a agir em função dos que estão ausentes.

sendo assim, o ideal de uma dieta equilibrada que proporcione resultados concretos ao corpo e ao organismo, é a reposição alimentar, sugerida pelos profissionais de nutrição.

Outro fator que é importante frisar na busca por um corpo bonito e saudável é a prática de atividades físicas combinada a ingestão de água, permitindo que o organismoabsorva e consuma corretamente todos os nutrientes ingeridos, para um melhor funcionamento do organismo.

Os suplementos alimentares também fornecem quantidades exatas de proteínas, devendo primeiramente ser consultado um profissional nutricionista para que este possa sugerir um suplemento adequado as necessidades do paciente, podendo ainda ser um suplemento feito somente a base de proteínas, repondo as quantidades necessárias a cada ingestão para o controle eficaz do organismo.

Caso a alimentação esteja carente de proteínas, é possível repor através de suplementos e dieta equilibrada que permita o consumo de todos os grupos de nutrientes, para proporcionar uma manutenção do organismo, devendo ser respeitadas as doses receitadas para que o organismo não sobrecarregue.

anel-magnetico

Recomendados para você:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *